Maquiagem em pele negra: como acertar?

Hoje vou falar sobre um assunto ao qual sempre respondo nas minhas aulas de automaquiagem, para modelos e clientes as quais já maquiei. As mulheres negras sempre reclamam para mim sobre sua dificuldade de encontrar produtos, especialmente pele e base adequados aos seus tons de pele. Desde que comecei a trabalhar como maquiadora percebi que um dos maiores desafios para os profissionais é fazer a maquiagem em pele negra. Tanto que na maioria dos cursos profissionalizantes existe um módulo específico para este tópico. Achei curioso e fiquei me perguntando porque isso seria um problema, sobretudo num país como o Brasil, onde a maioria da população é de negros.

art_Alek-Wek-585x378

Naquela época eu não tinha hábito de comprar produtos e conhecia pouco além de batom e máscara. Conforme comecei a estudar maquiagem, entendi que a dificuldade em relação a maquiagem de peles em geral começa na inexistência de produtos adequados aos tons de pele de cada um. E no caso da pele negra, a escassez de produtos é ainda maior, provavelmente por algum ranço escabroso de preconceito na história da indústria de cosméticos internacional.

Dicas-de-Maquiagem-Pele-Negra-5

Somando-se isso ao fato de o Brasil ter uma população muito miscigenada, a dificuldade só aumenta porque as variações de tons de pele se tornam quase infinitas. Felizmente, o mercado de cosméticos parece ter começado a acordar e produzir maquiagens para tons de pele os mais variados. Embora eu ainda ache a oferta ridícula se comparada a quantidade de tons para peles mais claras, hoje já é possível encontrar algumas marcas que trabalham com paletas de cores mais amplas e até mesmo marcas que tem linhas exclusivas para pele negra. Um exemplo é a black Up. Fundada em 1999 por uma makeup artist africana, a marca sediada na França é a primeira dedicada exclusivamente para o público negro.

Captura de Tela 2015-03-17 às 13.21.29

Paleta de bases líquidas da black Up

Para começo de conversa, a pele negra possui uma predisposição natural para a oleosidade. O que na realidade é excelente porque retarda o surgimento de marcas de expressão e rugas. No clima tropical do Brasil, a oleosidade pode ser acentuada pela umidade. Aí a atenção deve ser maior. Muitas mulheres de pele negra acreditam que por terem a pele muito lisa e boa não precisam ter cuidados extras. Uso de filtro solar diariamente, por exemplo, é fundamental; apenas o fps não precisa ser muito alto. Manter a pele limpa, tonificada e hidratada é o primeiro passo para preparação de uma maquiagem bem feita e duradoura. Após aplicar um bom primer que vai proteger a pele, uniformizar os poros, vem a escolha da base que não ficar acinzentada e nem alaranjada. Nada de testar a base na mão! Base tem que ser experimentada na testa ou na maçã do rosto. O mesmo serve para o pó e corretivos.

Mas Ana Pri, não tem aquele lance dos corretivos coloridos que servem cada um para disfarçar uma coisa diferente? A regra das cores de corretivos é a mesma para as peles negras. Tons mais arroxeados, como olheiras, podem ser disfarçados com corretivo laranja. Sempre com moderação. Nada de exageros, sempre pouco, com a pontinha do dedo e leves batidinhas para uniformizar. Depois vou escrever mais sobre os corretivos coloridos e suas funções.

pele2(1)

As bases com tonalidades mais de fundo dourado costumam ficar melhor nas peles negras. Entretanto, algumas peles tem regiões do rosto mais escuras como o entorno dos lábios, o entorno dos olhos e o fim da testa, próximo à raiz dos cabelos, o que dá um ar envelhecido. O ideal neste caso seria ter duas bases de cores diferentes mas como nem sempre é possível, a sugestão é usar a base na mesma cor da parte mais clara do rosto (em geral, as cor das bochechas) porque vai suavizar as olheiras e marcas de expressão. Observe na foto abaixo os diferentes tons em várias partes do rosto.

antes e depois

Antes e depois, make feita por mim

A ex-top model, ex-mulher de David Bowie e ainda diva do alto dos seus 59 anos (chora, filha!), Iman lançou uma linha de cosméticos na intenção de atender os mais diversos tons de pele. A marca conta ainda com um simpático aplicativo que ajuda a escolher os tons ideais para você dentro destas dicas que eu dei acima. Divertidinho e útil, chama-se Iman Beauty App e está disponível para android e ios.

iman

Iman, über top model

02bee-10353091_881290515233985_6193038699443700718_n

Rihanna

Quanto às sombras, vai depender um pouco do tom exato da pele para sobressair no fundo ou não. Para esfumar, o preto, o cinza chumbo e o marrom mais escuro, de fundo acizentado são opções sem erro, como no caso da foto da Riri aqui em cima. Os tons dourados, avermelhados e arroxeados também sobressaem muito bem. E sombras prata dão um efeito de contraste lindo nas peles intermediárias.

imagem4

Makeup Artist Shayla

Alguns azuis com fundo arroxeado ou mais escuros realçam o olhar, como na foto anterior da maravilhosa @makeupshayla. Blushs amarronzados ou terracota para as peles mais claras, ou com tons bem vibrantes mesmo: vermelhos, laranjas escuros, rosa queimado quando a pele for bem escura. Iluminadores dourados finalizam a pele e dão aquele ar de deusa de Ébano.

maquiagem-carnaval-pele-negra-lupita-nyongo-just-found-02-600x801

E os batons? Na maioria, as mulheres negras tem lábios carnudos e na minha opinião isto é uma dádiva que merece destaque. A regrinha mais senso comum de maquiagem é equilibrar cores entre olhos e boca. Se os olhos estão muito marcantes, usar um batom mais neutro, na linha dos nudes para não pesar a expressão. E se os lábios estão com uma cor vibrante ou escura, então os olhos podem ter tons mais neutros pelo mesmo motivo. No entanto, sempre vai depender do tom de pele, dos tons de sombra e batons escolhidos. Para simplificar muito mesmo seria algo assim:

200702_194575134005719_1303910863_n

No entanto eu acho chiquéeeerrimo e sensual batom marcante em bocão. Coisa para quem pode. Eu adoro a tendência de batons amarronzados e arroxeados que está rolando agora nas marcas. Recentemente fiz um editorial para uma marca e usei na modelo negra o batom Cyber da M.A.C. Ficou divino. Quando as fotos ficarem prontas, linkarei aqui. Isso para não defender a minha tese de que o batom mais difícil de se errar é o vermelho (em outro post vou explicar isto melhor também). A M.A.C. tem ainda o Diva, batom que a Beyoncé usou no Rock in Rio e deixou todo mundo apaixonado. E muitas outras variações de roxos, vinhos estão no mercado para todos os bolsos.

c595474f4ee656a65acdb67d2711c1ec

Peço desculpas pelo post ter ficado gigante mas é que o assunto rende.  Queria mostrar até mais fotos. Espero que seja útil e possa ajudar. Qualquer dúvida, deixe seu comentário que eu respondo. Se quiser ver um trabalho meu só de beleza negra, tá aqui: Negra Cor 2012. Beijinhos!

Anúncios

Um comentário sobre “Maquiagem em pele negra: como acertar?

  1. Pingback: Aceita o poder da minha maquiagem – The Power of Makeup | Blog da Ana Pri

Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s