O maravilhoso mundo dos casamentos milionários

O assunto de hoje é algo que a gente adora falar e ler sobre: festa de casamento. A curiosidade de jornalista associada ao meu interesse de beauty artist que presta serviço de Dia da Noiva me obrigam a estar atenta às novidades do mercado de casamentos. E decidi fazer uma série de matérias especiais no blog sobre isto. A primeira é sobre o maravilhoso mundo dos casamentos milionários. Inshalá, muito ouro!

Casamento_milionario

Imagem: arquivo pessoal

Se tem uma coisa que desperta curiosidade é quanto os ricos e famosos gastam em suas festas de casamento espetaculares. Todo mundo sabe que casar dá trabalho e custa caro. Uma recepção breve e bem simples com os preparativos mínimos: roupas dos noivos, local da cerimônia, convites, bolo e champanhe apenas para brindar com os convidados de uma lista íntima ultrapassa facilmente a casa dos 15 mil reais. Imagine este custo elevado a milésima potência quando os noivos em questão são abastados. Recepções para mil pessoas (ou mais), lugares exóticos, corais de 30, 40, 50 vozes. Fechar lugares inimagináveis como a Ilha Fiscal, o Morro da Urca ou todos – eu disse todos – os salões do Copacabana Palace. Isso só em termos de Rio de Janeiro.

grf_2714-greif-29maio2010

Salão do Copacabana Palace

Ano a ano em todo o Brasil as Feiras e Exposições de Noivas apresentam ao grande público as últimas novidades deste mercado que atrai fornecedores dos serviços os mais variados: de buffets a lembrancinhas. Por sua vez, o mercado de luxo no Brasil aqueceu nas últimas duas décadas devido ao fortalecimento do Real frente às moedas estrangeiras, o que incentivou grandes grifes a abrirem suas filiais no Brasil e isso atingiu também o mercado de casamentos. O resultado é que os serviços se sofisticam a cada temporada e as noivas com poder aquisitivo elevado encontram hoje à disposição uma variedade imensa de mimos impensáveis para a maioria das pessoas.

Quer um exemplo? Um kit de pau de selfie para cada padrinho que ganhará depois um mini álbum com todas as fotos feitas por ele durante o casamento. Ou o álbum de casamento à prova d’água. Ou a máquina de distribuir chinelos. Posso passar o resto da vida falando de coisas que já vi em feiras de noivas. Umas legais, outras nem tanto.

Captura de Tela 2015-04-30 às 17.34.59

pau de selfie para padrinhos. foto: Junior Lago/ UOL

Do vestido dos sonhos assinado por um grande estilista da haute couture a casar-se em um castelo no Vale do Noir em cerimônia super exclusiva, o limite do sonho é a conta bancária dos noivos. A prova disso é que o par de alianças de diamantes e platina da Tiffany’s, para noiva e noivo respectivamente, que saem juntas na faixa dos 25 mil reais, por incrível que pareça, são compradas com certa frequência na loja da joalheria em São Paulo. Ou servir para convidados apenas champanhe de Veuve Clicquot cujas rolhas de cada garrafa não serão estouradas por menos de 250 reais em média. Se as noivas em geral não costumam poupar dinheiro quando o assunto é o casório, a clientela de luxo vai além sempre na intenção de surpreender os convidados e reafirmar o status social.

vera-wang-fall-2014-bridal-dresses4

Vestido Vera Wang. Chorei glitter ao vê-lo.

Aliás, sobre o Vale do Noir, empresas que organizam os destination weddings (vou fazer um post especial sobre o assunto) afirmam que sai mais em conta casar fora do que no Brasil, se o número de convidados para o evento for reduzido. Mas quem está preocupado com preço quando o assunto é luxo, certo? Em casamentos realmente luxuosos as cifras podem ultrapassar a casa dos milhões.

A julgar pela beleza, que é a minha praia, uma noiva disposta a pagar pelo melhor no seu grande dia, não fará economia no que diz respeito à aparência. Há quem diga que o brilho no olhar é o que torna uma noiva bonita. Mas um bom profissional (ou equipe) de maquiagem e penteado fazem uma super diferença para que ela se sinta mais confiante e bela. Até porque as equipes de filmagem e fotografia dos casamentos de luxo realizam produções hollywoodianas e se tem algo que é cruel é o full HD. E por mais que as noivas ricas sejam bem cuidadas, as câmeras de altíssima definição não perdoam vincos, espinhas, olheiras, rugas, pelos fora do lugar e outros horrores de todas nós mortais. Neste caso, além de maquiagens com cobertura full HD, recomendo o airbrush. Não sabe o que é airbrush? Olha aqui.   2e1ax_origami_entry_como-chegar-ao-grande-dia-com-a-pele-perfeita-noivas Quanto maior o casamento, maior deve ser a organização e os cerimonialistas se tornam figuras essenciais. E no caso dos casamentos milionários, não seria diferente. Apenas os cachês é que são, digamos, mais apimentados. É necessário fechar contrato com cerimoniais mais renomados com boa antecedência porque estes costumam ser concorridíssimos. Em compensação, impossível é uma palavra que os clientes não costumam ouvir da boca deles. Quer um elefante branco no jardim de sua recepção? Uma pista de patins de gelo? O noivo vai chegar de parapente? Eles resolvem, cobrando e muito bem por isso, claro. Preston Bailey, responsável pelos cerimoniais mais babado de Nova York é conhecido como o fazedor de sonhos. O trabalho do homem é uma coisa de lindo! Pense na riqueza. Pensou? Agora veja aqui.

Exageros à parte, os bons cerimonialistas costumam ser pessoas com bom gosto e são capazes de exercer uma certa influência positiva sobre aqueles noivos, digamos, mais excêntricos. (Ufa! Nossa Senhora Defensora do Bom Gosto agradece). Porque gastar muito não significa necessariamente ser elegante, né? E alguns excessos podem transformar uma decoração de festa num verdadeiro castelo das bruxas. Curiosamente, alguns cerimonialistas amigos meus já me confidenciaram que a maioria dos casamentos, inclusive os de classes sociais mais altas, começam com o mesmo tipo de conversa: não posso gastar muito. A questão é que o muito de alguns é bem maior que o muito de outros. E aí os serviços de luxo entram com força total.

ND3_13471

Casamento organizado por Preston Bailey. Não parece o salão comunal de Hogwarts em dia de festa?

Um jantar servido à francesa com menu exclusivo preparado por um chef de primeira linha é menos espalhafatoso do que o elefante branco no jardim e ainda mais caro. Algo em torno de 200 mil reais para uma festa de 500 convidados, ou seja 200 reais por pessoa. Se for colocar na ponta do lápis nem está tão caro considerando o valor de um jantar no restaurante de um mesmo chef. Ou seja, tudo é beeeeem relativo.

Algumas revistas de celebridades vira e mexe postam rankings de casamentos mais caros. Do que eu já li por aí, até hoje nenhum bateu o que pra mim foi o mais marcante de todos: Lady Di e Príncipe Charles. Era pequena e fiquei (assim como o mundo todo) vidrada diante da tv assistindo a princesa chegar na carruagem à Abadia de Westminster, em Londres. Imagens que marcaram toda uma geração. Realmente coisa de conto de fadas. Ok que o vestido da Diana tinha aquelas mangas bufantes horrorosas – desde pequena jamais entendi o porque daquilo, fazia a cabeça da pessoa parecer pequena. Mas a moda tem desses deslizes. E os anos 80… bem, deixa quieto. O segundo mais caro segundo a revista Forbes também foi da realeza britânica: Kate Middleton e Príncipe William. Aqui você vê uma das listas mais recentes.

casamento-real-lady-diana-charles-01

Casamento de Lady Di e Princípe Charles

É fato que existem serviços e profissionais para todos os gostos e bolsos. E se os noivos decidem que não vão economizar para fazer a festa mais inesquecível de suas vidas, aí, o céu é o limite.

Uma coisa é importante ter em mente: busque sempre bons profissionais. Mesmo que seu orçamento não seja milionário, certifique-se que vai contratar pessoas competentes e capazes de prestar o serviço do jeitinho que você quer. São muitas as histórias de noivas que compraram vestidos caros a prazo e na hora de contratar o maquiador e o fotógrafo, regularam a mixaria. Aí quando vieram as fotos, foi pior do que a idade das trevas. De que adiantou um vestido caro se as fotos ficaram horríveis? A maior de todas as recordações do casal estragada pela muquiranice. Castigo do céu, hein?

Nada de pegar aquele serviço que é o mais baratinho porque o barato sai caro muitas vezes. Se não der para pagar por bons profissionais, redimensione o tamanho de sua festa. Garanto que os resultados vão ser muito mais bonitos, até porque menos é mais.  De resto, desejo aos noivos felicidades! Vou escrever sobre temas específicos do universo dos casamentos aqui de vez enquando. Acompanhe e se gostou, deixe um comentário. Beijinhos!

Anúncios

Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s